Colar ambar: funciona?

por Patrícia Maldonado

21 de dezembro de 2017
 Colar ambar: funciona?

Na época em que minhas pequenas eram bebês eu não tomei conhecimento de colar amar nenhum. Não conheci ninguém que usava e arrisco dizer que não existia no Brasil. Hoje, morando aqui nos EUA eu vejo a peça em vários bebezinhos, especialmente nos americanos. Sei que é um dos produtos mais procurados na Macrobaby, por exemplo. Mas como esse colar funciona afinal? 

O âmbar é uma resina vegetal que se tornou fóssil há aproximadamente 50 milhões de anos. Ele é encontrado principalmente na região dos Bálticos e as propriedades do colar só valem se as pedras forem dessa área.  Nelas se encontra o ácido succínico. Estudos afirmam que esse composto químico fortalece o sistema imunológico, estimula o sistema nervoso e melhora a atividade metabólica. Por isso, o âmbar atuaria como analgésico e anti-inflamatório natural.

Segundo os vendedores, em contato com a pele do bebê, as pedras do colar se aquecem e liberam quantidades minúsculas do ácido succínico no corpo. De acordo com as mães o acessório auxilia especialmente durante a fase de dentição, por aliviar dores e desconfortos como inchaço da gengiva e febre.

Na Macrobaby você encontra uma grande variedade destes colares - clique aqui